26 de ago de 2009

Autoesporte mostra AGILE por INTEIRO

O espião da AUTOESPORTE flagrou o novo hatch da Chevrolet tomando banho, totalmente desnudo. Depois, enxuto, foi apresentado à diretoria da GM. Assim, você confere desenho da traseira e do quadro de instrumentos, além de mais fotos da dianteira do hatch que será lançado em outubro.

O desenho da traseira é muito parecido com o do GPix, conceito apresentado pela GM no Salão do Automóvel do ano passado. As lanternas têm desenho em estilo bumerangue e invadem bem a lateral do carro. A maçaneta da tampa traseira é embutida, igual à do Astra, e o vidro de trás faz um “V” na parte inferior, como, por exemplo, o VW Polo. O para-choque traseiro será bem alto na parte lateral. A grade dianteira é surpreendentemente grande, digna de jipões. Para ladear uma grade tão ampla, os faróis também têm proporções impressionantes. Além de largos, são longos a ponto de avançar até mais da metade da linha do capô.

O quadro de instrumentos é dividido por um display central digital, que mostra temperatura do motor, hodômetro (parcial e total) e informações do computador de bordo (autonomia, consumo estimado etc). Do lado esquerdo fica o velocímetro. No lado direito aparecem o conta-giros (que fica tão no canto do quadro que o ponteiro aponta para baixo quando o giro do motor sobe) e o marcador de combustível - este sem surpresas, até um pouco acanhado.

O Agile chega apenas com motor 1.4 Econo.Flex de 105 cavalos e câmbio manual. No começo do ano que vem, ganhará opção de câmbio Easytronic, que a GM vem desenvolvendo para render melhor que no pioneiro Meriva. Não há expectativa de usar o velho motor 1.8. Já os novos motores da fábrica de Joinville (ainda em construção) deverão equipar o Agile somente a partir da linha 2011.

O Agile não tira nenhum carro da GM de linha, pelo menos no primeiro momento. Ele deve partir de R$ 35 mil chegando perto de R$ 45 mil no modelo topo de linha completo, para não afetar as vendas do Astra. Depois do hatch, que chega às lojas em outubro, será a vez de uma picape (na metade do ano que vem) com porte entre a Montana e a S10. O último produto da linha será um jipinho urbano para brigar com o Ford EcoSport, provavelmente no fim do ano que vem. Não há previsão de sedã nessa linha. O hatch será feito apenas na Argentina, enquanto suas derivações deverão ser produzidas em São José dos Campos (SP).


Retirado do Site Autoesporte

Montadoras

FIAT (118) CHEVROLET (103) VOLKSWAGEN (92) FORD (63) HYUNDAI (60) KIA (47) NISSAN (47) RENAULT (47) GRUPO FIAT (44) TOYOTA (44) HONDA (41) DODGE (34) CHRYSLER (33) GM (33) PEUGEOT (29) FIAT-CHRYSLER (25) JAC (24) ALFA ROMEO (23) CITROËN (22) LAMBORGHINI (16) FERRARI (15) GRUPO CHRYSLER (14) JEEP (14) CHERY (13) HYUNDAI - KIA (12) PSA (12) MASERATI (11) GRUPO VW (10) RENAULT-NISSAN (10) MERCEDES-BENZ (9) AUDI (7) BMW (6) VOLVO (5) LIFAN (4) OPEL (4) ROSSIN-BERTIN (Vorax) (4) SUZUKI (4) ABARTH (3) MITSUBISHI (3) RAM (3) SAAB (3) ASTON MARTIN (2) BMW-i (2) CADILLAC (2) LANCIA (2) LAND ROVER (2) MG (2) PORSCHE (2) TATA (2) GEELY (1) LINCOLN (1) MAHINDRA (1) MAZDA (1) MINI (1) PAGANI (1) SMART (1)