30 de jul de 2009

RENAULT com PREJUÍZO de 2,7 bi de euros

A Renault registrou um prejuízo de 2,7 bilhões de euros em suas vendas globais no primeiro semestre de 2009.

Segundo informações da agência de notícias Reuters, apesar do revés, a montadora refez suas previsões e espera por um resultado positivo e um aumento na participação de mercado mundial até o final do ano.

Por conta da crise que também afeta a indústria automotiva, a empresa foi obrigada a promover cortes de custos, especialmente com os veículos não-vendidos. A Renault afirmou que espera por uma queda de 12% no mercado automotivo mundial, estimativa que cai para 8% na Europa, segundo dados da própria montadora.

Em comunicado oficial, o CEO da aliança Renault-Nissan, Carlos Ghosn, afirmou que “o mix de produtos da Renault sofreu uma queda nas vendas” e disse que modelos menores e mais baratos são as melhores alternativas, já que vários países europeus estão incentivando a compra de veículos mais novos e menos poluentes.

Recentemente, Ghosn também alertou que espera aumentar a participação de mercado da Renault no Brasil para 10%. Na ocasião, o executivo declarou que a gama atual de modelos da marca não é “suficiente para uma participação de mercado de 10% a 20%”.


Fonte: Site Quatro Rodas

Montadoras

FIAT (118) CHEVROLET (103) VOLKSWAGEN (92) FORD (63) HYUNDAI (60) KIA (47) NISSAN (47) RENAULT (47) GRUPO FIAT (44) TOYOTA (44) HONDA (41) DODGE (34) CHRYSLER (33) GM (33) PEUGEOT (29) FIAT-CHRYSLER (25) JAC (24) ALFA ROMEO (23) CITROËN (22) LAMBORGHINI (16) FERRARI (15) GRUPO CHRYSLER (14) JEEP (14) CHERY (13) HYUNDAI - KIA (12) PSA (12) MASERATI (11) GRUPO VW (10) RENAULT-NISSAN (10) MERCEDES-BENZ (9) AUDI (7) BMW (6) VOLVO (5) LIFAN (4) OPEL (4) ROSSIN-BERTIN (Vorax) (4) SUZUKI (4) ABARTH (3) MITSUBISHI (3) RAM (3) SAAB (3) ASTON MARTIN (2) BMW-i (2) CADILLAC (2) LANCIA (2) LAND ROVER (2) MG (2) PORSCHE (2) TATA (2) GEELY (1) LINCOLN (1) MAHINDRA (1) MAZDA (1) MINI (1) PAGANI (1) SMART (1)