15 de mai de 2012

Com linha 2013 do Bravo, Fiat pode fazê-lo finalmente aparecer; e mais: Dualogic atualizado

O Bravo 2013 está mais competitivo, com câmbio atualizado e a beleza característica de sempre. (Fiat/Divulgação)
A Fiat está lançando a linha 2013 do excelente, porém, esquecido, Bravo. O hatch médio italiano, que nunca emplacou nas vendas, finalmente ganhou um comercial a sua altura, além disso, está mais equipado e com melhorias no câmbio Dualogic. Tudo joga a favor para o modelo enfim aparecer nas ruas brasileiras, porque até então, ele está tão sumido quanto o protagonista do comercial.

A versão T-Jet (1.4 de 152 cv e câmbio manual de seis marchas), a verdadeira esportiva da gama, incorpora o teto solar Skydome como item de série. Para a Absolute nada muda. Já a Essence, a versão de entrada, ficou mais equipada ao ganhar os seguintes itens:
  • Volante em couro com comandos do rádio;
  • Apoia-braço central dos bancos dianteiros com vão refrigerado;
  • Guarnições abaixo dos vidros e maçanetas cromadas.
Vale lembrar, ainda, que tanto a Essence quanto a Absolute utilizam o motor 1.8 16V E.torQ com 132 cv (com etanol). Além disso, todas as versões passam a ser equipadas de série com parafusos antifurto nas rodas. A lista pode não estar com tantos itens mais "prestigiados", mas o Bravo já é bem completo.

Direção elétrica com dois modos de condução, ar-condicionado, rodas de liga aro 16, banco com regulagem de altura, volante com regulagem de altura e profundidade, vidros elétricos antiesmagamento (dianteiros e traseiros), piloto automático, sistema Isofix para cadeirinhas, chave canivete, computador de bordo, airbag duplo, freios ABS e rádio com CD/MP3 integrado ao painel já estão presentes na versão mais barata.
Versão Absolute, top da gama por enquanto, teve poucas mudanças. (Fiat/Divulgação)

Reprodução da campanha publicitária (Quatro Rodas, maio)
Campanha

Se tem uma coisa que a Fiat errou com o Bravo foi em suas campanhas publicitárias, e ainda duas vezes (na de lançamento e, depois, na da versão T-Jet), assim como já fez em outros comerciais de carros mais caros, o que não ajuda na fama da marca. Felizmente, a situação mudou. Focada no público masculino totalmente, finalmente o Bravo tem um bom comercial no ar (desde a última sexta, 11 de maio), que brinca com a masculinidade e com o que um homem tem que ter na vida e em um carro. A criação é da Leo Tailor Made.

O relançamento do bonito Bravo também está acontecendo através da mídia impressa, em revistas como a Quatro Rodas. O anúncio diz: "Beleza, elegância, ousadia, e todos os seus amigos vão querer levar para casa", comparando o hatch com uma modelo. O novo slogan é "Bravo. Você com Tudo".
Detalhe: a Fiat já anuncia a chegada da versão Sporting, em breve. Ou seja, podemos esperar cintos vermelhos, instrumentos diferenciados e spoilers e saias para a versão, além de rodas com outro desenho. Estava demorando...

Câmbio Dualogic Atualizado
Com a linha 2013 do Bravo, a Fiat aproveita para lançar a atualização do câmbio automatizado Dualogic, chamado de Dualogic Plus. Querendo ser cada vez mais automático, o câmbio agora traz duas novas funções. Uma delas é a chamada de Creeping: assim que o motorista retirar o pé do freio, o sistema movimenta o carro lentamente, deixando para o motorista o único trabalho de manobrar o volante e o freio. Com isso, há mais facilidade e comodidade em manobras e arrancadas em rampas leves.

Já a Auto-Up Shift Abort é capaz de identificar o exato momento de uma retomada de velocidade e abortar, se for o caso, a troca para uma marcha superior, mantendo a rotação do motor elevada para disponibilizar mais torque e potência. A Fiat ainda não divulgou quando (e se) o Plus chegará à outros modelos da marca, mas creio que não há razão para algum deles ficar de fora.
Interior do Bravo é bem cuidado, e um dos melhores da Fiat. (Fiat/Divulgação)

O câmbio Dualogic é de série na versão Absolute e opcional na Essence. O Bravo continua oferecendo apenas dois anos de garantia, melhor do que outros modelos da marca, mas pior do que concorrentes que oferecem entre 03 e 05 anos. O melhor? As versões Essence e Absolute mantiveram seus preços (e ficaram ainda mais vantajosas do que o Cruze Sport6), esperando a chegada da versão Sporting:
  • Bravo Essence 1.8 16V - R$ 57.150;
  • Bravo Essence Dualogic 1.8 16V - R$ 59.790;
  • Bravo Absolute Dualogic 1.8 16V - R$ 66.830;
  • Bravo T-Jet - R$ 71.950.
A Fiat mostra que está tentando fazer o Bravo embalar, com novidades e mais equipamentos, além de manter o preço e trazer uma nova versão para gama. Agora, é fazer o carro aparecer na TV e nas revistas e ver se ele consegue ser sucesso do nada, como o Freemont fez. Potencial, como já disse várias vezes, o Bravo tem, e ficar atrás do defasado Golf não dá mais, né. 


Fonte: Fiat/Divulgação

Montadoras

FIAT (118) CHEVROLET (103) VOLKSWAGEN (92) FORD (63) HYUNDAI (60) KIA (47) NISSAN (47) RENAULT (47) GRUPO FIAT (44) TOYOTA (44) HONDA (41) DODGE (34) CHRYSLER (33) GM (33) PEUGEOT (29) FIAT-CHRYSLER (25) JAC (24) ALFA ROMEO (23) CITROËN (22) LAMBORGHINI (16) FERRARI (15) GRUPO CHRYSLER (14) JEEP (14) CHERY (13) HYUNDAI - KIA (12) PSA (12) MASERATI (11) GRUPO VW (10) RENAULT-NISSAN (10) MERCEDES-BENZ (9) AUDI (7) BMW (6) VOLVO (5) LIFAN (4) OPEL (4) ROSSIN-BERTIN (Vorax) (4) SUZUKI (4) ABARTH (3) MITSUBISHI (3) RAM (3) SAAB (3) ASTON MARTIN (2) BMW-i (2) CADILLAC (2) LANCIA (2) LAND ROVER (2) MG (2) PORSCHE (2) TATA (2) GEELY (1) LINCOLN (1) MAHINDRA (1) MAZDA (1) MINI (1) PAGANI (1) SMART (1)