7 de fev de 2012

Hyundai vai se separar da Caoa no Brasil?

Hyundai está dando tchau à Caoa? Se sim, uma excelente notícia!
Segundo o jornal Brasil Eonômico e Quatro Rodas, a Hyundai (no caso, a montadora "oficial") pode se separar do Grupo CAOA por aqui, que vem estragando a imagem dos belos carros graças à propagandas enganosas e duvidosas. Para quem não sabe, os carros da marca chegam por aqui através dessa importadora, ou seja, a Hyundai "permite" que o grupo brasileiro traga seus carros por aqui, portanto não é a marca em si que faz as vendas.


Nos últimos tempos, porém, por meio da matriz, a sul-coreana vem se interessando em entrar oficialmente de vez no Brasil. O HB é uma prova disso, já que o carro foi, obviamente, desenvolvido na Coreia do Sul. Além disso, a fábrica que está sendo construída em Piracicaba (interior de São Paulo) é da marca, e não da Caoa.

Com uma multa de 16 bilhões de reais (o dobro dos lucros da Hyundai-Caoa no último ano), o Grupo Caoa já passou por uma situação semelhante: em 1995, a Renault decidiu que iria trazer seus carros por conta própria, já que antes, a função era do da empresa brasileira.

Enquanto nada acontece, a Caoa já anunciou que o crossover compacto ix35 será produzido no Brasil a partir do 3º trimestre em regime CKD (as peças virão da Coreia do Sul, e serão montadas aqui, como já acontece com o Tucson nacional). O carro não deve ficar mais barato, segundo Autoesporte, mas ganhará mais versões (e quem sabe, cores) e o motor ficará flex.

São duas boas notícias, mas se a Hyundai entrar de vez por aqui, as marcas podem ficar ainda mais preocupadas, porque a fama junto ao público já existe e as "rebuscadas" da marca tendem a ficar no passado. A Hyundai continuará sendo a Hyundai, só que com uma imagem muito melhor, já que, por exemplo, a Caoa nem libera carros para testes de revistas.

E a Kia?

Como todos devem saber, a Kia faz parte do grupo Hyundai fora do Brasil, mas por aqui, têm importadores diferentes. Com os rumores de que a Hyundai assumiria suas importações de forma "oficial", foi perguntado ao presidente da Kia no Brasil se o mesmo aconteceria com a marca, mas ele já declarou que, no Brasil, "Kia é Kia, e Hyundai é Hyundai", então, as chances de acontecer algo, pelo menos por agora, com a Kia, são menores.
Sportage acabou de ganhar motor flex.


Fontes: Brasil Econômico / Quatro Rodas / Autoesporte / Jornal do Carro

Montadoras

FIAT (118) CHEVROLET (103) VOLKSWAGEN (92) FORD (63) HYUNDAI (60) KIA (47) NISSAN (47) RENAULT (47) GRUPO FIAT (44) TOYOTA (44) HONDA (41) DODGE (34) CHRYSLER (33) GM (33) PEUGEOT (29) FIAT-CHRYSLER (25) JAC (24) ALFA ROMEO (23) CITROËN (22) LAMBORGHINI (16) FERRARI (15) GRUPO CHRYSLER (14) JEEP (14) CHERY (13) HYUNDAI - KIA (12) PSA (12) MASERATI (11) GRUPO VW (10) RENAULT-NISSAN (10) MERCEDES-BENZ (9) AUDI (7) BMW (6) VOLVO (5) LIFAN (4) OPEL (4) ROSSIN-BERTIN (Vorax) (4) SUZUKI (4) ABARTH (3) MITSUBISHI (3) RAM (3) SAAB (3) ASTON MARTIN (2) BMW-i (2) CADILLAC (2) LANCIA (2) LAND ROVER (2) MG (2) PORSCHE (2) TATA (2) GEELY (1) LINCOLN (1) MAHINDRA (1) MAZDA (1) MINI (1) PAGANI (1) SMART (1)